Todos os posts

Gastronomia argentina: um pouco sobre o doce de leite, as milanesas a la napolitana e o locro

Gastronomia argentina: um pouco sobre o doce de leite, as milanesas a la napolitana e o locro

A cultura gastronômica de uma sociedade, além dos alimentos, é composta por fatores como posição geográfica que a região se localiza, o  clima e o  tipo de solo, os hábitos alimentares e de cultivo de alimentos e bebidas, as migrações e a evolução tecnológica  Assim, a  gastronomia local pode ser definida como prática cultural que envolve decisões a respeito da seleção, produção, preparo e serviço de alimentos e que são construídas em um contexto cultural mais amplo, que também orienta as demais decisões de um grupo social.

Continuar lendo

Black Butler: Inglaterra e o Período Vitoriano

Black Butler: Inglaterra e o Período Vitoriano

Quando pensamos em animes logo nos vem à mente a imagem de personagens com olhos grandes e marcantes, cabelos coloridos e espetados e também automaticamente a ideia da construção de um universo relacionado ao infantil e ao juvenil. Entretanto a temática, público e estética desse tipo de animação é bastante variada. Hoje, em específico, vamos abordar um anime que pode ser considerado adulto, dado as cenas de violência e temática no geral. Kuroshitsuji (黒執事 lit. “O Mordomo Negro”, “O Mordomo Sombrio”), é um anime baseado no mangá escrito e ilustrado por Yana Toboso.

Continuar lendo

Lygia Fagundes Telles (1918-2022): vida, obra e influência na Literatura Brasileira

Lygia Fagundes Telles (1918-2022): vida, obra e influência na Literatura Brasileira

Conheci a obra de Lygia Fagundes Telles quando eu estava na sexta série do Ensino Fundamental. Me lembro de minha professora de português propor a leitura do famigerado conto Venha ver o pôr do sol. Naquela primeira leitura me lembro de não entender muito bem os personagens e a ambientação, porém, posteriormente na faculdade de Letras-Português, estando um pouco mais madura, a compreensão se ampliou. Esse revisitar obras que já lemos em diferentes fases de nossa vida sempre resulta em uma nova mirada, afinal, a literatura é sempre viva.

Continuar lendo

Comoção seletiva: nós escolhemos as guerras que daremos importância

Comoção seletiva: nós escolhemos as guerras que daremos importância

Desde que a Rússia invadiu a Ucrânia e o conflito se iniciou, o mundo se manteve apreensível sobre uma possível Terceira Guerra Mundial. De repente a guerra se tornou algo mais possível e não aquela velha história do passado. Esse medo é resultado de um eurocentrismo ainda presente na nossa sociedade atual. O fato é que o conflito que desponta agora na Ucrânia é só mais um dentre tantos outros que acontecem ao mesmo tempo no mundo, especialmente na África e Ásia. Sejamos realistas? A tomada do Talibã no Afeganistão não despertou em nós a mesma preocupação mundial que a invasão russa à Ucrânia desperta! Pois é, a isso chamamos eurocentrismo. Herança dos processos colonizadores e imperialistas dos séculos XVI e XIX.

Continuar lendo

O SENHOR DA GUERRA NÃO GOSTA DE CRIANÇAS

O SENHOR DA GUERRA NÃO GOSTA DE CRIANÇAS

O Senhor da Guerra é uma canção composta por Renato Russo e lançada no álbum Músicas para Acampamentos da banda Legião Urbana, em 1992, nessa canção Renato Russo faz uma interpretação sobre contextos de guerra. Não se trata de uma música que aborda um conflito específico mas as guerras de um modo geral. Faz parte da característica de Renato Russo compor sobre temas que ele lia a respeito e não que, necessariamente, ele vivesse em sua vida particular. Mesmo assim, é importante ressaltar que Renato Russo viveu no contexto de Guerra Fria, que durou até a década de 1990.

Continuar lendo